Tag Archives: eventos

Shigue Suando

23 mar

Essa semana foi toda para os preparativos do Desfile que farei no dia 06 de abril. Quando me inscrevi para participar do dito cujo não imaginei quantas coisas eram necessárias para assumir o cargo de samurai. O pessoal da cidade de Okazaki leva a parada super a sério e fazem tudo com o afinco japonês. Depois de discursar para o prefeito e um monte de gente influente, agora tive que encarar os treinos de montaria a cavalo, cerimônias e ensaios.

Na quinta feira fui com Sakai-san (o senhor que organiza o desfile faz muito tempo) numa espécie de hipódromo. Não sei qual é a palavra certa, mas o lugar ficava afastado da cidade e tinha um cercado onde se podia praticar cavalaria. Bem aconchegante por sinal. Tomamos chá e eu pude explicar com meu nihongo torto que estávamos no ano do centenário da imigração e eu estava participando do desfile com muito orgulho disso tudo.

O salão do hipódromo - um lugar aconchegante para tomar um bom chá e apreciar as montanhas de Okazaki.

Os japoneses ficaram espantados quando montei, para eles é muito raro ver alguém que já tenha tido tal experiência. Como minha mãe é mineira, sempre íamos ao interior passear e eu, como todo moleque pentelho, adorava brincar com os cavalos. Duro foi explicar isso para os senhores que me assistiam, acho que eles entenderam que no Brasil andar a cavalo é normal! Talvez por que lá seja tudo mato mesmo. (Há muitas pessoas que pensam assim)

Fazia algum tempo desde que montei pela última vez, no Brasil, um pouco antes de embarcar para o Japão. Fiquei com receio de que os cavalos japoneses tivessem temperamento diferente dos mineiros. Como eu não queria dar vexame no dia da parada resolvi aceitar o convite e ir praticar por alguns minutos. Sem susto: o montar é exatamente igual aqui também (pelo menos para mim, que sou leigo). Eu consegui até correr, mas eu queria mesmo era empinar o cavalo!

ShigueS tem sangue Samurai nas veias!

No domingo de manhã, fomos todos nós, participantes principais, participar de uma celebração pela paz mundial dada no templo que fica ao lado do castelo da cidade. Ali assisti a uma sessão religiosa muito interessante, provavelmente xintoísta. O monge entoou orações pedindo pela paz no mundo e pelo sucesso do desfile. Ao final tomamos um pouco de saquê e ganhandos pequenos amuletos para trazer sorte.

Depois disso fomos a um hotel nas redondezas para o desjejum. No lobby havia recém-casados que estavam trajados com a tradicional vestimenta de casamento japonesa, muito bonita. A noiva com seu enorme chapéu branco apontou para nós como quem reconhecia algum artista de televisão. Subimos alguns andares e adentramos uma sala com uma mesa elegante, onde estava servido o almoço. Comida típica japonesa!

Nem preciso dizer que estava uma delícia. Claro, tem gente que não gosta de sushi e frutos do mar, mas a culinária japonesa é considerada umas das melhores do mundo e eu concordo. Haviam vários executivos da Mitsubishi Motors no almoço. O cargo de honra do desfile, Tokugawa Ieyasu, foi oferecido para um dos diretores da empresa na região. Na fábrica que ele dirige faz-se carros e turbinas do boeing 747. Foram todos mundo gentis todo o momento, na despedida eles nos presentearam com miniaturas de carros da Mitsubishi.

Depois de se estufar com a comida fomos levados até o centro esportivo de Okazaki, local que já estive em diversas ocasiões por conta dos treinos de aikido. Até encontrei meu sensei e meus colegas de treino por lá e pude me despedir. Havia uma placa apontando “participantes do desfile Ieyasu” que segui, entrando num enorme salão. Ali grande parte dos participantes estava se preparando para seguir o roteiro, tudo muito bem planejado, obviamente.

O evento vai contar com mais de MIL participantes! Incluindo crianças pequenas, mulheres e idosos. Vamos percorrer 4km pela cidade em plena primavera durante aproximadamente 2 horas, culminando no castelo onde teremos uma celebração e fogos de artifício ao final. Meu lugar, como Ii Naomasa, será à direita do Shogum durante todo o evento, no final brandaremos sacando nossas espadas samurai. Eu acho que vai ser muito divertido!

Fora eu, mais 5 ou 6 alunos da Yamasa irão participar do desfile. Quem tiver a oportunidade por favor não perca. Será no dia 6 de abril, domingão, às 13h na estação Higashi Okazaki da Meitetsu! Venham ver o ShigueS pagar mico de general samurai e não esqueçam suas câmeras fotográficas. Depois me mandem fotos, por favor!

Anúncios

Festival Brasileiro em Toyota

14 mar

O que é Toyota? Garanto que muita gente acha que é apenas uma marca de carro, tipo Ford ou GMC. Porém, é também o nome de uma das cidades mais importantes de Aichi-ken, exatamente por ser a casa da multinacional automobilística. Nessa região do Japão é onde está concentrada a maioria da comunidade brasileira, uma vez que as montadoras ficam instaladas próximas às matrizes.

vivabrazilday01.jpg

A Toyota, assim como suas empresas-parceiras, são conhecidas pelos altos salários que pagam aos seus empregados. Acredito que o mesmo valha para os dekasseguis brasileiros que trabalham em suas linhas de montagem. Já a cidade de Toyota é uma das mais ricas e prósperas da província.

Agora a prefeitura de Toyota, juntamente com o Comitê de Organização do Projeto de Comemoração Brasil-Japão e outras entidades, estão organizando o “Viva! Brazil day!“, que será um evento com o propósito de promover a cultura brasileira no Japão.

vivabrazilday02.jpg

Os interessados poderão participar GRATUITAMENTE do evento, equipados com estande, painel, mesa e até mesmo vaga no estacionamento. Porém corram! As inscrições vão somente até dia 20 de março, semana que vem. Eu acabei esquecendo o panfleto no meio do calhamaço de impressões da escola, por isso o post atrasou. Abaixo todos os detalhes necessários.

Os scans estão com qualidade suficiente para impressão. Aproveite!