Kotooshu que dá gosto

3 jul

Sexy? De acordo com o público feminino japonês o moçoilo acima é o “David Beckhan do sumô”

Já faz um tempo que ouço falar que o sumô está perdendo prestígio, de que há muitos estrangeiros disputando os campeonatos e que o esporte está a beira da extinção. Apesar de todo esse bafafá o tradicional esporte japonês, considerado a essência do espírito samurai, continua sendo destaque em várias mídias pelo país.

Kotooshu recebe a taça de campeão do torneio de sumo de 2008 (agora ele tem onde tomar sua vitaminazinha de abacate do lanche da tarde)

Há pouco tempo atrás reparei num sujeito que diferia extremamente dos colegas monstrengo-gelatinosos de ares asiáticos. Além de ser relativamente esbelto, principalmente em se tratando de um sumotori, o que mais me chamou a atenção foi o rosto ocidental. Não pra menos, já que Kaloyan Stefanov Mahlyanov, como o próprio nome revela, não é dessas quebradas. O “príncipe do sumô” é búlgaro nascido em 1983. Há alguns meses atrás entrou na história por ser o primeiro europeu a ganhar o torneio do Imperador.

Tá, legal, mas e daí?

Calma que eu explico. Esse não é um post exclusivo para o sex symbol do sumô. Na verdade eu falei tudo isso para tentar explicar a cena da foto abaixo. Imagine-se fazendo compras para a janta perto das 23:00h num supermercado perto de casa. Final do dia, você exausto e faminto tem uma brilhante idéia: “Ah, acho que seria uma boa comprar iogurte para a sobremesa”. Então se depara com:

Nunca tinha reparado como sumô e iogurte tem tudo a ver! Aposto que os lutadores devem comer bastante iogurte para manter a boa forma.

Atordoado com a cena, fiquei catacônico com o arranjo durante alguns segundos, tentando em vão compreender o que diabos Kotooshu estava fazendo no meio dos benditos iorgutes. Nem pensei duas vezes em fotografar para postar aqui e ver se sou só eu ou alguém mais sente uma leve repulsa na associação entre laticínios e homens de 2m de altura semi-nus e cheios de pêlos.

Eu consigo imaginar encontrar um pêlo de origem duvidosa no meio do iogurte, e você? Não? Ok, pode confessar que você gostou da idéia

Até entendo o target da campanha: estimular o consumo do produto “natureba” entre as consumidoras japonesas usando um símbolo de sucesso e queridinho das garotas. Porém confesso que a propaganda não funcionou muito bem comigo, que fui embora sem nem tocar nas embalagens em promoção do meu iogurte preferido. Tudo o que passava pela minha cabeça era achar um pêlo no meio do produto, durante a degustação. Eergh! Sem falar que se eu estivesse comprando iorgurte pensando numa dieta mais saudável, para controlar o peso e tal, tudo o que eu não ia querer era ficar parecido com um rikishi (lutador de sumô).

Apesar de tudo achei a produção da propaganda muito bem feita, mas da próxima vez gostaria de sugerir outro modelo, talvez Ai Kato, essa sim me faz arder em desejo por consumo.

Anúncios

3 Respostas to “Kotooshu que dá gosto”

  1. Bah 05/07/2008 às 21:08 #

    Hey! Gomen a demora, mas esse lance de 2kotai quebra as pernas :P.

    Então, não sou muito fã de sumô, principalmente de fat boys (se é que me entende), mas meu digníssimo esposo gosta muito do esporte, ficou muito sentido de perder a apresentação aqui em Nagoya. E sempre procura saber de TUDO a respeito. Já que ele é amante de “esporte nipônicos”, praticante de kendô é fissurado por essa luta.

    Tem tanta propaganda sem sentido, como publicitária, fico abismada com a apelação japonesa com os produtos. Não sei se isso vende mais, mas talvez possa existir um tipo de apelo original e criativo que prenda a atenção algum dia.

    Bjos e não esqueci do nosso café não viu?

  2. Caruso 06/07/2008 às 07:36 #

    Cara que imaginação vertilíssima!! Às 23h, acharr que vai encontrar um pêlo no iogurte só por causa do garatão-propaganda, eu diria até que você viajou legal! Mas, tenho que confessar que seu relato fiel do que passou pela sua cabeça deu um toque irreverente ao texto e saiu da mesmice de muitas descrições em blogs sobre produtos encontrados no supermercado. Foi o que você pensou e pronto. Está certo. Gostei do “monstrengos-gelatinosos”. Gostei das fotos também, mas mais que isso, fiquei admirado com a sua coragem em fotografar tanto, em um lugar onde normalmente é proibido fotografar. Enfim, maneiro o post.

  3. Shitian 08/08/2008 às 13:04 #

    Então pior que ele anunciando esse yourte tem tudo a ver…Ele é da Bulgária e o yogurte é o bulgária…Entenderam o trocadilho??E pode ficar tranquilo,nos sete anos que vivi aí e tomei esse yogurte,nunca achei um cabelinho estranho no meio do pote, e olha que ele já era garoto propaganda…
    Adorei!!! bjooo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: