Obrigado YAMASA

21 mar

Hoje foi meu último dia como aluno da escola Yamasa. Não teve aula, pelo menos para as outras classes. A classe M teve 2 horas de revisão das expressões estudadas nas últimas semanas, afinal nosso professor foi Hikosaka-sensei, um adorável e paciente tutor sempre a esclarecer as mais absurdas dúvidas do idioma.

Foram 6 meses suando neurônios nessa escola, até minhas entradas no cabelo aumentaram. Sinal do uso de massa cinzenta. A experiência foi fantástica, recompensadora até o último instante. Poder aprender a me comunicar basicamente em japonês em tão pouco tempo e ao mesmo tempo encontrar pessoas de várias partes do mundo foi algo impagável. Tive vários momentos bons e ruins nesse lugar que com certeza vou lembrar por muito tempo.

Mas foi triste, como toda despedida entre pessoas que se gostam é. Mesmo sem ter toda aquela intimidade, depois de tanto tempo passando pelos mesmos apuros todo mundo acaba criando uma conexão de certa forma. Apertar a mão de um colega e ter na mente que o reencontro será praticamente impossível no futuro é de cortar o coração de qualquer um, garanto.

Olha a expressão da galera, no último dia antes de cada um tomar um rumo na vida (e no mundo)

Para essa data especial a escola prepara um “sayonara speech“, discurso de despedida, onde os alunos que estão terminando o curso agradecem à turma e aos professores tudo o que aprenderam no tempo em que estiveram no lugar. As pessoas choram, emocionadas, tanto na platéia quanto no palanque. Digo que aquela impressão de que orientais são frios, que não expressam emoção, é tudo balela! Os mais escandalosos foram os asiáticos, principalmente os professores.

M-class na sua última aula com a sensei-musa Kamiya (centro). Cada pessoa na foto é de um país diferente!

Particularmente não senti tanto a separação, pois ainda vou camelar por aqui algum tempo. E ainda estou inscrito no Desfile de Ieyasu daqui a algumas semanas. Por isso devo retornar pelo menos mais uma vez a Okazaki. Porém as pessoas não vão mais estar por lá, especialmente Hikosaka-sensei, que resolveu tomar outro rumo e encerrou sua última turma, a M, com olhos molhados de lágrimas e uma voz embargada dizendo: “De agora em diante continuem se esforçando nos estudos pessoal, muito obrigado” .

No final, eu com meu sangue latino fui abraçando todo mundo e beijando as garotas no rosto, pro desespero da minha sensei que disse “Acho que esse comprimento não vai fazer sucesso aqui no Japão“. Mas não pude evitar, afinal foi um beijo de despedida, sensei!

Anúncios

3 Respostas to “Obrigado YAMASA”

  1. Ivan 31/03/2008 às 17:01 #

    AI AI … entender japones ainda parece bem distante. Dificil ja entender as particulas.
    🙂

  2. 山本英子 03/04/2008 às 11:50 #

    Ahá a foto da sensei bonitona! 😀

    Korekara mo gambatte ne!!! (meu programinha de escrever em japones pifou aqui ¬_¬)

  3. Dudico 13/04/2008 às 12:17 #

    POOORRA, cara de apresentador tosko de programa japa de segunda foi foda! hahaha

    … eee vc continua aprontado e tarando as japinhas ae né? Já vi tudo! kkkkkkkkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: